Últimas Notícias

Nova política de plano de saúde é pauta de reunião na sede do Sindifiscal

10/10/2017 18h16 - Atualizado em 10/10/2017 18h52

Uma mudança na política do plano de saúde da Unimed foi pauta de reunião entre a diretoria do Sindifiscal e o representante comercial da operadora, Sebastião Cristiano Figueiredo, que ponderou a respeito das transformações que devem ocorrer no contrato entre as entidades, atendendo ao padrão que será aplicado a todos os clientes dos planos de saúde da Unimed.

Entre as alterações, Figueiredo ressaltou a viabilidade de manter filhos como dependentes no plano enquanto estiverem solteiros, sem limite de idade e a unificação do valor da tabela para qualquer tipo de dependente, inclusive pessoas com idade mais avançada. A adesão à nova política da Unimed também possibilita a vigência de pelo menos mais um ano sem reajustes, já que o contrato antigo perderá o vigor com a assinatura e validade do novo acordo.




O receio da diretoria é relativo a coparticipação inclusa nos novos moldes do produto oferecido, que prevê o pagamento pelo beneficiário de 50% dos valores relativos a cada consulta que for realizada, com desconto em folha. Padrões mais adequados à categoria serão analisados e propostos a Unimed pela diretoria.

Com a mudança, a tabela de preços a vigorar durante o ano de 2018 será menor que a praticada hoje, sonfrendo reajuste apenas em de 2019.  As coberturas não sofrem alterações, pois acompanham um rol determinado pela Agência Nacional de Saúde (ANS) .

Veja o documento apresentado pela Unimed ao Sindifiscal.